18/04/2013

Resenha: Julieta Imortal

Postado por Julia Taina
Olá, tudo bom com vocês? Eu estou bem e feliz por ter terminado esse livro que me surpreendeu de diversas maneiras. Julieta Imortal. Primeiramente por ele não ser somente um (simples) livro de romance, mas sim por mesclar mistério, suspense, ação, rancor em um mundo mágico.

Principalmente este é um livro que fala sobre o verdadeiro amor, de como os Embaixadores e os Mercenários lutam por ele, pelo bem e pelo mal. E nos mostra que Romeu em nada é parecido com aquilo que Shakespeare nos delatou, a verdade é que foi Romeu em pessoa que descreveu seu romance com Julieta e a morte tão digna que na verdade nunca existiu para que o escritor. Pelo menos não antes de setecentos anos em que o casal mais famoso da literatura trava uma batalha mortal, Julieta para proteger as alma gêmeas, os amores verdadeiros, e Romeu para alimentar a causa dos Mercenários, a morte e o fim do amor.

Julieta que toma o corpo de uma estranha adolescente com dezessete anos, Ariel, melhor amiga de Gema, a alma gêmea que é destinada a proteger. Julieta encontra Ben, o amor da sua vida, de muitas vidas, o amor de sua alma, melhor dizendo, quando tentava fugir da morte pelas mãos de Romeu, que então habita o corpo do recém morte Dylan. Ariel (Julieta) e Ben, sentem que existe muito mais entre eles do que apenas poderia existir após um encontro sem motivos, existe algo a mais. Mas Gema está com sua aura brilhando em tom rosado e Ben também, e isso só pode significar uma só coisa, existe amor verdadeiro entre os dois. Mas já era tarde demais para Julieta, ela já estava apaixonada por Ben. Será que amar esse garoto de pele macia e toque firme é realmente possível? 







Bom, me empolguei e contei mais do que devia, mas vão por mim o livro contém uma linguagem simples e agradável, o tamanho das letras são realmente boas, e as páginas tem aquele aspecto amarelado que todos leitores amam. Não é extenso, tem apenas 237 páginas e com certeza você vai ser apegar muito a Julieta, a Ben e a todos que fazem parte da história, e ah, sim você irá se encantar e odiar Romeu ao mesmo tempo, eu pelo menos ainda não decidi o que sinto por ele. Sabe aquele sentimento de vazio que dá depois de terminar de ler um livro que se apegou? Então, estou sentindo isso.






Espero que tenham gostado, e que a partir de agora esse livro
 faça parte da coleção de vocês, leitores! 
Bj, Ju




0 comentários:

Postar um comentário

 

A lover of books Copyright © 2012 Design by Amanda Inácio Vinte e poucos