31/01/2013

Besteirol

Postado por Julia Taina 0 comentários
Os livros que fazem o maior sucesso, mas eu estou dispensando!




Nicholas Sparks

Pois não é só um, são praticamente todos desse autor. Nunca fui muito fã de romances, dramalhões e histórias que só nos fazem pensar em como a vida é difícil, como encontrar o amor de nossas vidas é complicado, cheio de reviravoltas e derrames de lágrimas. É demais para minha mente que gosta de relações bem resolvidas e verdadeiras, porque já reparou que todos os conflitos que acontecem, de alguma forma são causados por mentiras (basicamente)? É por este e diversos outro motivos que não sou fã e não perco meu tempo lendo os livros desse autor. Pode até ser que minha opinião seja muito severa, mas quem me conhece sabe que sou assim. E outra, eu tenho aquela (talvez fútil) impressão que as histórias tem basicamente a mesma base, o mesmo drama que todo mundo ta cansado de ver, de saber, porém mesmo assim, continuam lendo e vangloriando esses romances que tem como função, basicamente, nos fazer idealizar romances, pessoas, que estão realmente distantes de nossa realidade. Por tudo isso, é que eu não sou adepta a ler romances, ainda mais romances comuns e balelas. Prefiro viver o presente e o amor de verdade, do dia-a-dia. 


Trilogia Cinquenta Tons de Cinza

Primeiramente, não tenho nada contra quem leu, quem quer ler, e quem se divertiu lendo. Porém considero este livro grotesco demais, chega a ser humilhante. Basicamente um "Crepúsculo Pornô" como diriam as pessoas que não aderiram a "febre" cinquenta tons. E sim, resumindo é essa a impressão que tenho da trilogia. Só pelas resenhas que li, comentários que ouvi, cheguei a ter nojo, isso mesmo, nojo do personagem principal Christian Grey. Não entendo como mulheres civilizadas podem tomar gosto por tal literatura, é como se estivéssemos voltando à era em que mulheres se submetiam aos homens. Detesto esse modo de pensar. De agir de modo insignificante. De se deixar governar por sexo. Estou certa de que uma grande proporção humana deve levar em conta o sexo como principal prioridade. Podem até contrariar, mas sim, é verdade. Polêmicas a parte. Não li o livro, não sei da história como um todo, se alguém quiser defender, que defenda, até porque existe liberdade de expressão para isto. Porém a minha opinião a cerca dessa obra literária é essa. E vamos ouvir alguém com quem me identifico muito, nosso amado PC Siqueira.




Depois de tudo o que foi visto e lido, cada um deve tomar a sua decisão, para melhor satisfazer seu intelecto. 


   


Top Five

Postado por Julia Taina 0 comentários
Os cinco livros "famosos" que quero ler neste ano


  1. As crônicas de Nárnia
Eu sempre amei os filmes, a história, os personagens, tudo! E principalmente o Aslam. Mas ainda não li o livro, agora por falta de tempo, já que ganhei de presente do meu amor (mais uma vez obrigada, foi o melhor presente que já ganhei). Estou louca para começar a lê-lo, mesmo sabendo de toda a história, porque eu vi os filmes umas cinco vezes cada, pois contadas em livros as histórias são muito melhores, e ainda tem aquela sensação que só apaixonados pela leitura amam, de poder tocar, ver, e cheirar o livro. Pra quem ainda não conhece, lá vai uma pequena prévia do livro:

Viagens ao fim do mundo, criaturas fantásticas e batalhas épicas entre o bem e o mal - o que mais um leitor poderia querer de um livro? O livro que tem tudo isso é O leão, a feiticeira e o guarda-roupa, escrito em 1949 por Clive Staples Lewis. Mas Lewis não parou por aí, Seis outros livros vieram depois e, juntos, ficaram conhecidos como As crônicas de Nárnia. Nos últimos cinquenta anos, As crônicas de Nárnia transcenderam o gênero da fantasia 'para se tornar parte do cânone da literatura clássica. Casa um dos sete livros é uma obra-prima, atraindo o leitor para um mundo em que a magia encontra a realidade, e o resultado é um mundo ficcional que tem fascinado gerações. Esta edição apresenta todas as sete crônicas integralmente, num único volume magnífico. Os livros são apresentados de acordo com a ordem de preferência de Lewis, cada capítulo com uma ilustração do artista original, Pauline Baynes. Enganosamente simples e direta, As crônicas de Nárnia continuam cativando os leitores com aventuras, personagens e fatos que falam a pessoas de todas as idades, mesmo cinqüenta anos após terem sido publicadas pela primeira vez.





     2. Harry Potter

E dai vocês me perguntam "Como assim você ainda não leu Harry Potter?" Pra falar bem a verdade eu assisti apenas um filme da saga! Nunca havia me interessado pelo tão famoso Harry Potter, mas não por ter uma impressão equivocada, mas sim pelo simples fato de não ter prestado a real atenção que deveria. Depois que alguns amigos meus me incentivaram a lê-lo, é que me motivei de verdade. E sim, tenho absoluta certeza que vou me apaixonar pelos livros. E este é um dos meus desafios do ano. Pra quem ainda não leu, ou apenas é como eu, que não parou pra analisar a obra, vou postar uma prévia de cada um dos livros.


Harry Potter e a Pedra Filosofal (só vi este filme): Órfão de pai e mãe, Harry Potter vive num quartinho embaixo da escada na casa dos tios. Rejeitado, o menino também sofre com a perseguição do primo mimado Duda. No dia de seu aniversário de 11 anos ele descobre que é um bruxo e ingressa na Escola de Magia de Hogwarts, conhece seus dois maiores amigos, Rony e Hermione e aprende a jogar quadribol. Começa, então, uma grande luta de Harry para destruir seu maior inimigo Voldemort, responsável pela morte de seus pais.


Harry Potter e a Câmara Secreta: Em seu segundo ano na Escola de Magia de Hogwarts, Harry Potter começa a ser atormentado por vozes estranhas, que parecem sair de dentro da sua cabeça. Ele descobre ser ofidioglota (fala a língua das cobras). Essa característica, rara entre os bruxos, levanta suspeitas dele ter sido o responsável por abrir a Câmara Secreta, que guarda o terrível monstro Basilisco. Manipulada por Voldemort, Gina Weasley, irmã de Rony, é capturada e levada à Câmara - e somente Harry pode salvá-la. Até Hermione, amiga querida de Potter, é atacada pelo monstro e se transforma numa estátua. Só resta ao herói tentar resolver o mistério por conta própria.

Harry Potter e o Prisioneiro de Askaban: Com 13 anos Harry Potter torna-se mais rebelde, desafiando os tios e os professores. Nas aulas com o professor Lupin ele aprende como enfrentar os terríveis dementadores, que se alimentam da alma das pessoas e são os guardiões da prisão de Azkaban, de onde fugiu Sirius Black. Há indícios de que o prisioneiro possa estar na escola e, o que é pior, de que haja um traidor em Hogwarts. Inúmeras surpresas mostram que é preciso cuidado para reconhecer a distância entre a versão de alguns fatos e a verdade. Em 'O Prisioneiro de Azkaban' a autora ainda presenteia o leitor com emocionantes partidas de quadribol, novas e assustadoras criaturas mágicas e um final surpreendente.

Harry Potter e o Cálice de Fogo: No quarto ano em Hogwarts, embora ainda sem idade suficiente, Harry Potter é misteriosamente selecionado pelo Cálice de Fogo para competir no arriscado Torneio Tribruxo. Estranhos sinais luminosos no céu mostram que Voldemort pode estar anunciando sua volta. Além disso, a marca na testa de Harry (uma cicatriz na forma de raio) não para de doer, o que sempre significa que algo muito tenso está para acontecer. Harry e seus amigos precisam enfrentar testes terríveis, dentro e fora da gincana. Será que estão preparados? Surpreenda-se com um desfecho de tirar o fôlego.

Harry Potter e a Ordem da Fênix:  O Ministério da Magia começa a intervir em Hogwarts, não acreditando no retorno de Voldemort propalado por Harry Potter e Alvo Dumbledore. Indicada pelo Ministério como professora de Defesa Contra as Arte das Trevas, Dolores Umbrigde proíbe a matéria para alunos mais novos, o que leva Harry a fundar a Armada Dumbledore para ensinar seus colegas a se defenderem do lorde e seus Comensais da Morte. Na batalha Bem versus Mal Harry vai enfrentar as investidas de Voldemort sem a proteção de Dumbledore, já que o diretor de Hogwarts é afastado da escola. E vai ser sem seu protetor que o jovem herói enfrentará descobertas sobre a personalidade controversa de seu pai, Tiago Potter, e a perda de alguém muito próximo. Não foi por acaso que J. K. Rowling chegou às lágrimas escrevendo o quinto volume da série.

Harry Potter e o Enigma do Príncipe: Dumbledore passa a dar aulas particulares a Harry Potter e lhe mostra na penseira - bacia de pedra para estocar lembranças - fatos que confirmam a busca de Voldemort pela imortalidade através das Horcruxes, objetos criados para guardar parte da alma. Com Hogwarts invadida pelos Comensais, Potter presencia o assassinato de Dumbledore pelo ambíguo professor Severo Snape, o 'Príncipe Mestiço', cumprindo seu voto perpétuo para não morrer. Junto de Rony e Hermione, Harry parte para encontrar e destruir todas as Horcruxes do Lorde das Trevas tornando-o mortal.


Harry Potter e as Relíquias da Morte: Voldemort está cada vez mais forte e Harry Potter precisa encontrar e aniquilar as Horcruxes para enfraquecer o lorde e poder enfrentá-lo. Nessa busca desenfreada, contando apenas com os leais amigos Rony e Hermione, Harry descobre as Relíquias da Morte, que serão úteis na batalha do Bem contra o Mal. Ação eletrizante conduzida com maestria por J. K. Rowling, concluindo os passos de herói Harry Potter na maior saga bruxa de todos os tempos.




       3. As Crônicas de Gelo e Fogo


Desde o lançamento destes livros eu já tinha ficado interessada, mas até hoje não consegui comprá-los e também não deu tempo para enfrentar a maratona que vai ser lê-los. Para desentendidos, uma prévia: 

Quando Eddard Stark, lorde do castelo de Winterfell, recebe a visita do velho amigo, o rei Robert Baratheon, está longe de adivinhar que a sua vida, e a da sua família, está prestes a entrar numa espiral de tragédia, conspiração e morte. Durante a estadia, o rei convida Eddard a mudar-se para a corte e a assumir a prestigiada posição de Mão do Rei. Este aceita, mas apenas porque desconfia que o anterior detentor desse título foi envenenado pela própria rainha uma cruel manipuladora do clã Lannister. Assim, perto do rei, Eddard tem esperança de protegê-lo da rainha. Mas ter os Lannister como inimigos é fatal a ambição dessa família não tem limites e o rei corre um perigo muito maior do que Eddard temia. Sozinho na corte, Eddard também se apercebe que a sua vida nada vale. E até a sua família, longe no norte, pode estar em perigo. A maior saga de fantasia dos últimos tempos e que já conquistou milhões de fãs ao redor do mundo chega agora às livrarias em uma caixa de luxo e com os cinco livros já escritos - A Guerra dos Tronos, A Fúria dos Reis, A Tormenta de Espadas, O Festim dos Corvos e A Dança dos Dragões.

Algumas resenhas alheias que achei no YouTube


Quem como eu, amou esses videos? ♥ Porém, vamos para os próximos do Top Five

     4. Os Instrumentos Mortais

Cidade dos Ossos: nos apresenta Clarissa, uma adolescente típica: aos quase 16 anos mora com a mãe, uma jovem artista viúva. Tem um "tio" postiço, Luke, que de certa forma ocupa o lugar do pai e um melhor amigo, Simon, que nutre por ela uma paixão secreta. Quando Simon e Clary visitam um clube, a menina vê três adolescentes matarem um rapaz. Há, porém, dois grandes problemas: ninguém acha o corpo e apenas ela vê os tais assassinos. Sua vida muda completamente. A mãe é raptada por demônios e ela descobre a existência dos Caçadores das Sombras, guerreiros cuja missão é proteger o mundo que conhecemos de bestas e outras criaturas. Vampiros que saem da linha, lobisomens descontrolados, monstros cheios de veneno? É por aí mesmo. E depois desse primeiro contato com o Mundo de Sombras, e com Jace - um Caçador que tem a aparência de um anjo, mas a língua tão afiada quanto Lúcifer -, Clary nunca mais será a mesma. 

Cidade das Cinzas: depois ser apresentada ao Mundo de Sombras e a Jace - um Caçador que tem a aparência de um anjo, mas a língua tão afiada quanto Lúcifer -, Clary Fray só queria que sua vida voltasse ao normal. Mas o que é "normal" quando você é uma Caçadora de Sombras assassina de demônios, sua mãe está em um coma magicamente induzido e você de repente descobre que criaturas como lobisomens, vampiros e fadas realmente existem? Para complicar ainda mais, alguém na cidade de Nova York está matando jovens do Submundo. Quando o segundo dos Instrumentos Mortais, a Espada da Alma, é roubada, a aterrorizante Inquisidora chega ao Instituto para investigar - e suas suspeitas caem diretamente sobre Jace. Como Clary pode impedir os planos malignos de Valentim se Jace está disposto a trair tudo aquilo em que acredita para ajudar o pai? Nessa sequência de tirar o fôlego da série Os Instrumentos Mortais, Cassandra Clare atrai os leitores de volta para o lado mais obscuro do submundo de Nova York, onde amar nunca é seguro e o poder se torna a mais mortal das tentações. 

Cidade de Vidro: a heroína Clary deve viajar até a Cidade de Vidro, lar ancestral dos Caçadores de Sombras, para salvar a vida de sua mãe, em um coma mágico induzido pelo terrível Valentim. Um homem que quer purificar o mundo de toda criatura que não seja 100% humana ou 100% nephilim. Um detalhe: entrar em Alicante sem permissão é contra a lei e pode significar a morte. Mas nenhuma regra irá afastar Clary de seu objetivo: encontrar Ragnor Fell, o feiticeiro que pode ajudá-la. 

Cidade dos Anjos Caídos: a guerra acabou e Caçadores de Sombras e integrantes do submundo parecem estar em paz. Clary está de volta a Nova York, treinando para usar seus poderes. Tudo parece bem, mas alguém está assassinando Caçadores e reacendendo as tensões entre os dois grupos, o que pode gerar uma segunda guerra sangrenta. Quando Jace se afasta sem nenhuma explicação, Clary começa a desvendar um mistério que se tornará seu pior pesadelo.


            
     5. Jogos Vorazes

Jogos Vorazes: Ambientado num futuro sombrio, o livro narra uma luta mortal pela sobrevivência encenada por crianças e transmitida ao vivo para todos os habitantes de uma nação construída nas ruínas de um lugar anteriormente conhecido como Estados Unidos. Com este mote surpreendente e uma narrativa ágil, Jogos Vorazes já foi traduzido para mais de 30 idiomas e vem se tornando um crossover, atraindo leitores de diversas faixas etárias.

Em Chamas: É o segundo volume da bem-sucedida trilogia iniciada com Jogos Vorazes, mais novo fenômeno da literatura jovem dos últimos tempos, que mistura ficção científica com reality show, passando pela mitologia e pela filosofia, com muita ação e aventura.

A Esperança: O volume final da trilogia Jogos Vorazes, de Suzanne Collins, é exatamente o livro pelo qual os fãs esperavam: complexo, imaginativo e, ao mesmo tempo, brutal e humano. Depois de sobreviver aos jogos por duas vezes, Katniss Everdeen tentará se encontrar no papel de símbolo de uma revolução, enquanto luta para proteger sua mãe e sua irmã no meio de uma guerra.






                                                                                                                     

30/01/2013

Oh Céus ♥ Store

Postado por Julia Taina 1 comentários
OMG, achei mais uma loja virtual incrível! A Oh Céus Store, é uma loja de produtos importados e sob encomenda. Sabe aquelas roupas, aqueles sapatos que quando vemos quase não acreditamos que está ao nosso alcance, então foi assim que me senti quando visitei a loja pela primeira vez. Tem diversas camisetas de bandas, que por sinal são lindas de morrer e diferentes de todas que já vi. E tem as tiaras de spikes, que por Deus, eu necessito muito (alguém me dá de presente haha). E mochilas, já que logo começarão as aulas, e para minha alegria, a Faculdade! Eu queria aquelas florais, mas não diria "não" as outras. O preço de alguns produtos é que não é muito do meu agrado, como os sapatos, porém se alguém deseja profundamente algum modelo, vai economizar onde puder para ter, não é? Espero que gostem da loja como eu gostei, e façam bom proveito!










Hoje é dia de

Postado por Julia Taina 0 comentários
Falar sobre mudanças! 

Quem não adora mudar o visual, se sentir renovada, com os ânimos a flor da pele, de bem com a vida e consigo mesma? Eu adoro! O que não é caso de futilidade e sim de querer estar bem, de se amar, o que é muito necessário para sermos felizes. E nada melhor do que inovar no salão, sendo com cortes diferenciados e variados, com tinturas ou com um toque a mais na produção diária. E sorte de verdade tem as famosas e ricas mulheres, que podem mudar quando sentirem necessidade, sem outras controvérsias, podendo ter franjas em um dia e longos no outro (ai que sonho). Nós, simples mortais precisamos além de tudo ter a preocupação com o tempo que levará para o cabelo crescer caso não gostarmos do resultado final (triste realidade). E há o outro porém que é o apego, e este é o maior problema para mim, que tenho cabelos compridos (bem compridos) e que com o tempo as pontas começam a ficar secas e criar pontas duplas (é, ninguém gosta) e quando isso acontece não adianta ficar de cara amarrada, o jeito é cortá-los, mesmo com a imensa dor no coração. Porém como todos sempre dizem quando a reclamação é sobre cortes de cabelos "se acalme, cabelo cresce". Sim, ele cresce e você se acostuma. Então vamos começar a adotar o desapego por cabelos, amém. Hoje mesmo vou dar início ao meu, vou cortar devido a pontas secas, duplas e também por ter enjoado dele como está. Quero mudanças, inovações!

"Ame-se primeiro para depois ser amada"




26/01/2013

Trilha sonora

Postado por Julia Taina 0 comentários
Vocês já conhecem a banda The Smiths? Se conhecem com certeza vão concordar comigo que é ótima, e dá uma leve vontade de sair por ai cantando, num dia ensolarado, vivendo o que a vida tem de melhor para proporcionar. Ah! Eu amo as músicas deles.

Então lá vai um pouco sobre a história da banda: The Smiths foi uma banda inglesa de rock alternativo formada em 1982. Os críticos consideram a banda como sendo a mais importante banda de rock alternativo a surgir nos anos 80. Embora alcançado pouco sucesso comercial fora do Reino Unido nos seus anos de atividade, e nunca lançando um single que alcançasse o Top 10 na Inglaterra, a banda conquistou grande sucesso nos anos decorrentes, mantendo-se nas prateleiras das lojas até os dias de hoje. A banda encerrou suas atividades em 1987, negando várias propostas de uma eventual reunião.

Algumas das minhas músicas preferidas ♥











25/01/2013

Hoje é dia de:

Postado por Julia Taina 0 comentários
Falar sobre o amor! ♥

Já fazem alguns meses, precisamente (quase) cinco, que não penso em outra coisa, em outra pessoa, simplesmente o amor está no ar. Foi quando encontrei a minha alma gêmea, o amor da minha vida, aquele que faz meus dias ficarem lindos apesar de tudo, que me protege, me apoia, me ama, me quer bem, e me faz querer ser melhor. E por ele farei isso e tudo o que estiver ao meu alcance, pois o amo, e sinto que é para sempre. Espero que cada uma de vocês tenha a benção de encontrar uma pessoa tão especial  em suas vidas, que as façam sentir amadas, desejadas, e que no relacionamento tenha confiança. respeito, harmonia, que saibam lidar com as diferenças, que não se deixem abalar por comentários alheios (e terão vários), que o amor sobressaia a tudo e a todos. Que o mundo conspire a favor de todos, que o destino se encarregue de trazer o amor mais depressa, ou no seu tempo, pois o destino é rei, ele deve saber comandar o que lhe é encarregado. Eu acredito em destino, sim. E desejo acima de tudo que você não sinta desilusões nesse caminho, que seja tudo na mais clara verdade, isso se o ser humano ainda consegue fazer isso sem segundas intenções. Mas que seja tudo assim, pra mim, pra todos, e que o mundo ande mais feliz, mais cheio de amor. 

Alguns textos que fiz para o meu amor:

"E ontem a noite me dei conta que meu lar é móvel, e tem o sorriso mais lindo que já vi. Minha casa não passa de mais um lugar onde sinto saudades de ti."

"Cai num abismo de dúvidas ao entardecer, você me olhava com olhos de menino, eu de mais nada sabia. Não conseguia me concentrar em te olhar de apenas um ângulo, e não havia um predileto, haviam dois. Seus olhos, sua boca. Juro que são as visões mais belas que já pairaram sob minha retina. E por tudo isso, não permitirei sentir saudades de tais formas, tais visões, de você."

"Se alguém ousasse te tornar poesia estaria enganando-se. Você vai além da poesia. Além da vida. Esta cada vez mais complicado te escrever, juro, não consigo te descrever em palavras. Você é uma vida toda, é o que rege tudo ao meu redor, o que me conduz a luz, o que me faz cantar, cantarolar, compor pequenos versos, mesmo na multidão, na confusão de conversas cotidianas, lá estou a te compor. Quero te ter para todo o sempre. E essas palavras nunca foram tão verdadeiras, estão transbordando sentimento, amor, eu realmente te amo, e assusta o quanto. Eu penso, imagino, visualizo e suplico todos os dias, pelo dia que iremos nos unir completamente. Na verdade eu nunca desejei que esse “passo natural da vida” acontecesse comigo, nunca. Eu julgava ser um ato hipócrita e banal, realizado por pessoas inseguras e esbanjadoras. Não via amor. Você me mudou, nosso amor me mudou. E falo com toda a certeza do mundo, por tudo que conheço, pelas pessoas que amo, por ti, que desejo me casar contigo. Já disse que sim naquele dia, mas quero afirmar milhares de vezes se precisar, se não precisar, se for possível, e se alguém dizer que é impossível, eu o tornarei banalmente possível. Sim, quero viver a minha vida inteira ao teu lado. Você faz a palavra amor perder o sentido. Os seus olhos, neles eu me vejo, te amando. Somente hoje entendo o que é amar alguém mais do que a si mesmo, cuidar tanto ao ponto de sufocar, de querer segurar nos braços e não largar, não perder de vista, ouvir aquela voz abençoada por todo o tempo, até o mundo acabar, até nos encontrarmos em outra vida. Te amo como se você fosse minha alma gêmea, mas você é. A vida me transformou no que sou porque sabia que tinha alguém me esperando, para mostrar ao mundo que ainda existe aquele amor banalizado por mal amados. Eu tenho um amor da vida inteira, talvez de mais."

"Essa velha história de “opostos se atraem” é algo realmente e infinitamente banal, coisa tola, feito para explicar o inexplicável e a mania louca de amar quem nos completa da maneira mais incomum que existe. Pois dentre um milhão de rostos, de gostos, cheiros, palavras, hábitos, escolhi você, e nada mais fez sentido, não precisou. Hoje percebo o quanto somos diferentes, nos perguntando sobre como isso foi acontecer, como nossos caminhos que de longe são perfeitamente opostos, foram se encaminhar e nos juntar, como dois são um quando o universo, força gravitacional, Deus, o destino, e todas as superstições e crenças que nos rodeiam, querem. Acontece e de nada adianta perdemos tempo imaginando e buscando uma solução, mesmo que (de fato) iria nos ajudar saber de toda a verdade, do porquê nos amamos e lutamos contra todas as diferenças. Minha tese seria basicamente esta, nos completamos, o seu melhor cura meu lado negro, solitário e bagunçado, o meu te cura e faz resplandecer o seu verdadeiro ser, ingênuo, buscando aconchego e alguém que fique, apesar de tudo, de todas as falhas que comete, que cometemos em vão, por termos medo, um do outro, medo do futuro e do passado. Apesar de tudo, eu te amo. Quando o sol raiar e a noite esfriar tua pele, eu irei te amar. Após uma noite turbulenta e um silêncio massacrante, eu irei te amar. Após a queda de uma lágrima e o olhar de quem pede socorro, eu irei te amar. Se você chorar e eu paralisar, irei te amar."

"Eu te considero parte de mim e do meu bem-estar, te tenho em meu futuro como visão permanente, embora sendo imprevisível, você está lá. Como à mim, meu futuro à ti pertence."

Algumas músicas que marcaram esses cinco meses de namoro:

Essa com certeza (pra mim) é a música mais marcante, ok a letra não tem nada a ver com o nosso namoro, menos a parte que fala "If I could be who you wanted, all the time, all the time" que quer dizer "Se eu pudesse ser quem você procura o tempo todo" e sim, nós somos. Enfim eu me emociono muito quando a ouço, é linda demais. 

                                          
Omg! Esta música é uma trilha sonora simplesmente perfeita! Um trecho dela: "Quando você esteve aqui antes, nem pude te olhar nos olhos, você é como um anjo, sua pele me faz chorar, você flutua como pluma, num mundo perfeito, eu queria ser especial. Você é tão especial".

                                       
E tem letra mais perfeita que essa? Oh Deus! Não tem mesmo. A música inteira faz sentido, do começo ao fim, eu amo muito essa música. "I see my future when I look in your eyes. It took your love to make my heart come alive" 

                                       
Um dos momentos mais lindos da minha vida foi quando escutamos essa musica pela primeira vez juntos! ♥



                                     
E para finalizar melhor impossível, essa música que fica mais linda ainda sendo tocado ao violão pelo grande amor da minha vida.

É, o amor mesmo tomou conta de mim, e do meu mundo.



24/01/2013

Estou amando

Postado por Julia Taina 0 comentários
Será que alguém já percebeu que eu estou amando demais a banda Audioslave? Eu simplesmente gosto de todas as músicas deles, e não tem como não gostar, é demais! ♥ E o "estou amando de hoje" novamente é protagonizado por eles, com a música Doesn't Remind Me, do álbum Out of Exile, lançado em 2005.

Significado da música: Na sua adolescência, quando seus pais separaram-se, Cornell entrou em depressão. Ele descreveu o período por longos períodos de depressão, grandes quantidades de bebidas e extrema isolação. Este período é a musa da canção. A música fala sobre os seus erros, compreendidos e reais, e sobre como a dor diminuía quando fazia certas coisas ou ia a certos lugares.


Ps: I love you Wikipedia.


Achados e desejados

Postado por Julia Taina 0 comentários
Faz um bom tempo que ouvi falar muito bem do livro A Culpa é das Estrelas, dizem ser um livro que emociona do começo ao fim, mesmo não sendo meu estilo literário predileto, me interessei por ele. É um dramalhão ao meu ver, porém a vida tem dessas coisas.

Narra a história de um romance entre dois adolescentes que se conhecem em um Grupo de Apoio para crianças com câncer: Hazel, uma jovem de dezesseis anos sobrevive graças a uma droga revolucionária, e Augustus Waters, de dezessete, ex-jogador de basquete que perder a perna para o osteosarcoma. Como Hazel, Gus é muito inteligente, tem ótimo senso de humor e gosta de brincar com os clichês do câncer. Inspirador, corajoso, irreverente, e brutal, A culpa é das estrelas é a obra mais mais ambiciosa e emocionante de John Green, sobre a alegria e a tragédia que é viver e amar.


Ok, eu sei que esse livro é bem conhecido, pelo menos entre os amantes da leitura, mas o achado da vez é o novo livro do John Green, O Teorema Katherine. 

O livro narra a história de Colin Singleton, que tem uma queda por garotas chamadas Katherine, mesmo sabendo que quando se trata delas, o fora é sempre imediato, e é após o último trauma que ele - ex-criança prodígio de anagramas que acaba de se formar no ensino médio e se martiriza por ainda não ter tido um grande e significativo momento de genialidade - põe o pé na estrada. Dirigindo sem destino, com o coração partido, um caderno de anotações no bolso e o melhor amigo no banco do carona, Colin, enfim visualiza sua missão: formular e comprovar o teorema Katherine, que, ele espera, poder prever o futuro de qualquer relacionamento, vingar todo e qualquer pé na bunda e, finalmente, ajudá-lo a conquistar sua garota.

Bom, eu com certeza quero lê-lo, os dois na verdade, mas o segundo será lançado apenas em março deste ano, então basta administrar bem o tempo para lê-los em sequência. 
as várias traduções e adaptações do livro pelo mundo


23/01/2013

Whislist

Postado por Julia Taina 1 comentários
Nos últimos dias tenho visitado muitos blogs, sites de vendas online e afins, por isso minha "pequena" lista de desejos aumentou consideravelmente, e tem de tudo, desde roupas, calçados, cds, livros (como de costume) até itens de decoração (outro projeto que espero não ser interrompido). Com tudo isso, encontrei umas lojas que me agradaram bastante, e com várias coisas fofinhas, que eu amo. A primeira Whislist que farei são com os produtos da HeyInvent. São eles:

Papelaria HeyInvent: Encontrei muitas coisas fofas, e é claro que me apaixonei e estou querendo todas, porém como sempre esqueço de escrever em agendas, ou em bloco de notas, e sou mais do tipo escrevo no que achar pela frente, o que estou tentando mudar a um bom tempo, não sei se me seria útil, porém como esse ano começo a bendita faculdade, acho melhor ir me acostumando a ser mais organizada e disciplinada (é o mundo adulto está dizendo olá), e para o meu projeto ficar mais lindo impossível nada melhor do que várias agendas lindíssimas da HeyInvent. Vou mostrar algumas das várias que quero. 


Ela foi feita para o dia-a-dia, para marcar basicamente todos os seus pequenos passos e suas tarefas cotidianas, vem com adesivos, e é meiga demais! Particularmente é a minha preferida.
























OMG! It's so cute! Este é um diário um pouco menos do que a agenda acima, e vem com duas cartelas de adesivos e é simplesmente muito fofa. Se eu conseguisse me acostumar a escrever em diários eu a compraria, porém já tentei diversas vezes e não me acostumo. Mas pra quem é adepta e adora um diário essa é uma opção incrível. 
























E aqui está a novidade: uma mini "agenda" das finanças. Achei muito legal e útil. Esta sim eu preciso, como anoto minhas contas em qualquer papel, e sempre acabo perdendo alguma, já passou da hora de me organizar direito e assim não esquecer de pagar nada do que devo. E minha mãe agradeceria muito também, porque ela que tem que se entender naquela bagunça toda, rsrs. E não deixa de ser um presente ótimo para aquelas meninas que gostam de números, não é?






















Tem como não amar muito essa caneta, ainda mais se você é apaixonada por tudo que tem Alice in Worderland no meio, uau. Mas também tem outras três opções diferentes. E duas opções de cores, azul e preto. O porém é que o preço é meio alto para uma caneta.


Fotos da Melina Souza

21/01/2013

Faz tanto tempo que não há tempo

Postado por Julia Taina 0 comentários
Faz alguns anos que o tempo complicou, que as pessoas não tem saudades do tempo em que faziam o que realmente gostam, tantos milênios que o sentido da vida se perdeu, na mente de alguém, na solidão de um pensamento, ou talvez nunca fora encontrado. Tudo está perdido, e afogado de "verdades" que todos tentam nos impor, alguns até mesmo dão exemplos de como ser e fazer, mas não sabem de nada. Talvez soubessem antes do mundo os governar como marionetes. Nos governar, porque também sou um deles, todos somos enfim, apesar de tudo, somos tão poucos, e cada dia tempos menos tempo para voltar a ser quem sonhávamos ser. E se de uma hora para outra eu voltar a sonhar como criança, não seria maluco, fora do comum, mente insana, perturbada, sem futuro, que seja. Mas que seja algo. Não deixe ser aprisionado na imensidão, seja livre na prisão. Antes assim do que acreditar na falsa ilusão. Eu digo tantas besteiras que até me calo, me calo demais, para muitas pessoas. Melhor assim. Quero ter a liberdade de me calar, de não ouvir, de não ser, quando todos são tantas coisas ao mesmo tempo. Querer não ser alguém propositalmente é a rebeldia que não podemos ter. O que nos cerca, também nos sufoca, quando a felicidade foge do nosso alcance. Quem dera tê-la em algum recipiente em alguma vitrine, meu dinheiro valeria a pena então. Mas se já a tivesse quando olhasse para o céu azul em um domingo ao lado do meu amor, não queria nem um tostão, nem meu, nem seu, nem de ninguém. Não precisaria. O amor já me basta. A herança vem da alma, talvez de outras vidas. De concreto quero só um sorriso. Faz tempo que o tempo anda tão curto, mas não quero perder nem um segundo, sem amor, sem calor, sem clamor, sem poesia.



Estou amando

Postado por Julia Taina 0 comentários






                                                       

                                                   

19/01/2013

Achados e desejados

Postado por Julia Taina 0 comentários
Nossa, tava dando uma bisbilhotada no Submarino, como de costume, caçando livros novos, e acabei encontrando uma série tri legal. Não que eu não tenha a visto antes, é só que nunca tinha parado para prestar atenção nela, e me arrependo muito por ter demorado tanto. Sabendo que o autor é super renomado, é uma pena ainda não ter lido nada que foi escrito por ele. E como literatura de suspense e terror sempre me agradou, por mais incrível que possa parecer, encontrei alguns que me amei por demais. A coleção A Torre Negra, são sete livros que impressionam a primeira vista, alguns por seus tamanhos, de 744 páginas a 872. O preço também não está muito em conta, porém é só guardar uma grana aqui outra ali e pronto (ainda bem que meu aniversário está chegando). Rsrs


"Gosta de histórias cheias de suspense, emoção, ficção científica, fantasia e terror? Com a coleção completa de A Torre Negra (7 livros), do escritor norte-americano Stephen King, você vai mergulhar numa história turbulenta cheia de demônios, monstros, fugas incríveis e portais mágicos. Um mundo formidável, pleno de imagens magníficas e personagens inesquecíveis."






Espero que tenha atribuído algo nos "achados e desejados" de vocês, espero que tenham gostado e se apaixonado por mais uma série de livros incríveis como eu, haha.


18/01/2013

Top five: Tumblr

Postado por Julia Taina 0 comentários

Se eu não tenho nada para fazer e estou caçando assunto para postar, já que meu blog é novo e (quase) ninguém conhece? Yep.

Tava olhando e lembrando quem eu sigo no Tumblr, e acabei achando muita gente que já havia esquecido, outros que não escrevem mais, que não publicam, que não são mais o que eram, e é por esse motivo, que foi tão difícil escolher meus cinco preferidos, ou que são ao menos um pouco parecidos com o meu. Então se você gosta de romantismo, de meiguices e do meu tumblr, aqui estão os que irá gostar.


 Profetizas

 Faz sonhar

 Infinito de Loucuras

 Almejar-te

 Coração de Tinta


I need

Postado por Julia Taina 2 comentários
Minhas novas paixões são os dois livros "Coisas Frágeis" e Coisas Frágeis 2" de Neil Gaiman. Logo de cara me encantei com a capa dos livros, porém como não sou de julgar somente por isso, dei uma lida no  resumo da obra, e pronto, decidi que vou ter eles para mim.

Os livros contam pequenas histórias que misturam horror com humor, fantasia com realidade e doçura com crueldade, conforme escrito na rede social que nós amamos, o Skoob. Aqui tem a sinopse do primeiro e do segundo livro. Admito que não resisti em adquiri-los, mesmo que em um futuro mais distante, pelo fato de minha coleção ter vários não lidos ainda, e estou buscando um tempo para lê-los.






Achei e me apaixonei por chicorei.com

Postado por Julia Taina 0 comentários
Como ontem a tarde estava praticamente sem nada para fazer resolvi passar um tempo a mais no nosso tão amado Google, acabei achando um site super incrível de camisetas (também tem canecas e posteres) para vender online. Me apaixonei por umas dez camisetas diferentes, todas lindas e nada comuns, o que é um pouco complicado de achar, tanto em minha cidade quanto na internet. Eu até fiquei em dúvida se era boa ideia compartilhar isto por ai, mas acabei optando pelo sim. E um salve a generosidade, rsrs. 

Aqui estão algumas que particularmente achei as mais lindas e futuramente estarão habitando meu guarda-roupas (assim espero).


AC/DC




                                                                           


         
                            

                                         

                                           
The Who

                                                       
The Dark Side Of Oz

a mais linda, mais fofa, mais tudo
                                                       
Marilyn Cats

e quem não ama Marilyn?
                                                 

Estas foram apenas as que eu mais me identifiquei, então com certeza tem outras dezenas que você irá amar, e melhor por um preço bem acessível.


 

A lover of books Copyright © 2012 Design by Amanda Inácio Vinte e poucos